Ludera

Panorama do stress no trabalho no Brasil

Panorama do stress no trabalho no Brasil

Com os dias cada vez mais corridos e o aumento da competitividade das empresas, muitos colaboradores sentem uma excessiva carga de responsabilidade, o que contribui para o stress no trabalho. Se a função do funcionário na empresa for muito cobrada, exigindo longas jornadas, ele pode se sentir bastante sobrecarregado e afetar sua saúde.

No entanto, as consequências do stress não implicam somente no desempenho dos funcionários, mas também nas empresas. Por isso, é muito importante que os gestores se preocupem com a saúde dos colaboradores e utilizem alternativas para reverter o problema.

Se você se preocupa com o stress no ambiente de trabalho e quer aprender que ação tomar para não ter esse tipo de problema na sua empresa, continue a leitura e confira!

Consequências do stress no trabalho

O stress é um conjunto de reações fisiológicas em resposta a um evento importante ou esforço extremo, que acontece quando nos sentimos ameaçados, sob pressão ou que, de alguma maneira, possa perturbar o equilíbrio físico e mental.

No ambiente de trabalho, inicialmente, o stress pode ser um fator positivo, pois ajuda a manter-se atento e concentrado ao objetivo, auxiliando na criatividade e produtividade.

Porém, quando o stress ultrapassa os limites individuais oposto ao bem-estar necessário do indivíduo, deixa de ser proveitoso e começa a prejudicar a saúde. Isso acontece quando o colaborador é submetido a uma carga de trabalho intensa, sente-se pressionado, desconfortável com algum colega de equipe ou é mal recompensado.

Essa situação pode acarretar comportamentos contraditórios, como insatisfações e poucas colaborações com os colegas, cujos fatores contribuem para a alteração de humor, baixa produtividade, esgotamento, redução de energia mental, indisposição para o trabalho e outras doenças ocupacionais.

Além disso, uma reportagem transmitida pelo jornal Bom dia Brasil da TV Globo, cita que, segundo os pesquisadores canadenses, o stress ainda pode contaminar outras pessoas do mesmo convívio. De acordo com o estudo, indivíduos em situação de stress emitem um feromônio, uma substância química que tem a capacidade de disseminar entre seres de uma mesma espécie, como um odor.

Dessa forma, uma pessoa estressada pode começar a produzir essa substância que se propaga para outros indivíduos.

Dados sobre os custos do stress para as empresas

De acordo com os dados de uma pesquisa realizada pela International Stress Management Association (ISMA-BR), a população brasileira é a segunda mais estressada do mundo e mais de 70% dos trabalhadores sofrem com algum tipo de sintoma relacionado ao stress no trabalho.

Ainda segundo a ISMA-BR, nas últimas décadas, o stress tem sido responsável por aproximadamente 140% dos custos trabalhistas das empresas, em que nesta soma estão incluídas as despesas com licença de trabalho, tratamento médico, queda na produtividade e aposentadoria por invalidez.

Conforme um conteúdo publicado pela Agência Brasil, nos últimos 4 anos os transtornos comportamentais e mentais foram a maior terceira causa de afastamento de funcionários brasileiros, sendo responsável pela retribuição financeira de mais de R$ 211 milhões aos beneficiários.

Investimento em programas de qualidade de vida

Para evitar prejuízos e diminuir o stress no trabalho, as empresas buscam investir na qualidade de vida dos colaboradores a fim de amenizar o problema.

Dessa forma, muitas organizações têm oferecido melhores condições de trabalho, com maior liberdade para agir, gerenciamento do tempo do expediente, intervalos entre as atividades e conversas com as equipes, além de aplicar um plano de bem-estar aos funcionários com alternativas simples, como atividades recreativas, mesa de bilhar, pingue-pongue ou uma sala de relaxamento disponível nos momentos de intervalo.

Assim, os colaboradores contam com um espaço para distração e uma válvula de escape em um ambiente onde passam a maior parte do tempo. Estas alternativas além de evitar o stress, também ajudam a aumentar a produtividade do funcionário durante o trabalho.

Por isso, para manter uma equipe sempre produtiva é importante que a empresa ofereça atividades que estejam em conformidade com os limites de cada colaborador. Criando uma organização que se preocupa com a saúde dos seus funcionários, pode-se alcançar o equilíbrio na carga de trabalho em benefícios de todos.

Agora que você já sabe sobre as consequências do excesso de stress no trabalho, fique por dentro de outras novidades, baixe nosso e-book e assine nossa newsletter. Até a próxima!

Deixe uma resposta

Fechar Menu